Opinião

Um choque de competitividade

Quando nos anos 90 o Professor de Harvard Michael Porter elaborou o célebre Relatório, encomendado pelo Governo Português de então, o diagnóstico sobre o que fazer e as áreas estratégicas de actuação foi muito claro – ou se reinventava por completo o Modelo Económico ou então a Economia Portuguesa tenderia a morrer com o tempo. Quase vinte anos depois, o balanço é conhecido – Défice Estrutural Elevado, Desemprego incontrolado, um Tecido empresarial envelhecido. Como há 20 anos torna-se claro que a Competitividade Portuguesa é o grande desafio nos próximos tempos! Por isso, é tempo mais do que nunca de um Choque de Competitividade em Portugal!

Continuar...

O Mar entre a paz e a guerra

A Sombra de Schmitt

Em Land und Meer,  publicado em 1942 (1), o jus publicista e filósofo alemão Carl Schmitt decidia contar a história das relações entre a terra e o mar, à sua filha Anima, de 12 anos. Um dos fortes elementos simbólicos deste opúsculo de menos de 200 páginas, que se tornaria num polémico ensaio sobre direito internacional e geopolítica, girava em torno da oposição entre dois monstros míticos: Leviatã, a potência marítima, ou talassocrática, e Behemoth, o colosso terrestre, ou geocrático.

Continuar...

Fundir para quê?

jcA região Centro voltou nos últimos anos a readquirir a liderança no na cobertura das importações pelas exportações sendo a que, proporcionalmente, mais contribui positivamente para a balança comercial. A região Centro desempenha um papel importante na articulação dos fluxos logísticos nacionais e apresenta um potencial enorme na promoção de uma oferta logística competitiva que promova a fixação de novos investimentos.

Continuar...

Exportar mais e melhor

nsQuando Portugal aderiu à então Comunidade Económica Europeia, em 1 de Janeiro de 1986, o peso das exportações no Produto Interno Bruto (PIB) rondava os 30%. Vinte e seis anos depois, apesar de nos considerarmos uma pequena economia muito aberta ao exterior, o rácio não se alterou profundamente e estará agora na casa dos 34%.

Continuar...

Mais artigos...

  1. Um unanimismo inútil
Threesome