Estudo de Caso

Leixões: o porto como nó de uma rede de serviços

Um porto é um sistema com processos complexos, onde se desenvolve um vasto leque de actividades e se cruzam relações de negócio e administrativas entre um alargado conjunto de intervenientes. Cada vez mais, um porto é visto como um nó principal de uma rede de actores que prestam serviços logísticos. A eficiência desta rede, onde se formalizam cadeias logísticas de elevada capacidade, depende essencialmente de quatro tipos de relações:

Ler Mais...

Sines - Integrando Portugal nas principais cadeias logísticas mundiais

ruipinto



Estratégia da PSA enquanto operador global

O porto de Singapura sempre desempenhou um papel fundamental no crescimento da economia do país, estabelecendo-se como entreposto comercial de toda a região do sudoeste asiático.

Ler Mais...

Threesome